“The Man” roubou a cena no caminho para a WrestleMania

0 Flares Twitter 0 Facebook 0 0 Flares ×

Todo fã de WWE sabe que o “caminho pra a WrestleMania” é a melhor época do ano. Ali não tem evento caça-níquel, não tem (normalmente) jobber com cinturão, e os melhores roteiros são colocados em cena. Pois bem, neste ano Becky Lynch parece ser a grande aposta da empresa para esta época do ano.

Explica-se. Becky é um fenômeno popular. Daqueles que a WWE tem a sua parcela de culpa, mas que são genuinamente fenômenos nascidos pela popularidade que o lutador conquista diante dos fãs. Nem sempre, este fenômeno vai ser aproveitado, como bem sabe o Rusev. Muito menos vai ter a garantia de um main event na WrestleMania, como bem sabe o CM Punk.

Mas, estes fenômenos costumam render um bom destaque dentro da empresa. Daniel Bryan é o principal exemplo. Um cara levado pelo povo para o topo.

Becky traçou este caminho e recebeu da WWE o aval para se tornar a estrela da companhia, imaginando-se que sua suspensão não será de fato levada para a WrestleMania. Ela tem um carisma natural. Não importa se é heel ou face. Claro que preferimos ela como heel, porque “The Man” é muito melhor do que a Becky de outrora que ficava implorando por uma chance, ao mesmo tempo que perdia para todo mundo.

E você que costuma acompanhar os shows da WWE pelas redes sociais vai se lembrar que mesmo nessas derrotas, muitas vezes em lutas curtas, havia um clamor para que ela recebesse um push.

Quando muitos imaginavam que Charlotte seria a escolhida para encarar Ronda Rousey, Becky roubou a cena. Fez ótimas lutas contra a própria Charlotte e capitalizou de forma sensacional suas promos, tornando-se o maior nome do SmackDown. A WWE viu isso e, não a toa, colocou a “Autoridade” para servir de coadjuvante para sua estrela. Isso vem se tornando uma rotina nos últimos caminhos para a WrestleMania. Foi assim com Seth Rollins e com a recém chegada Ronda Rousey.

Neste ano, possivelmente a “Autoridade” nem esteja envolvida na luta, mas se colocou como parte da história para demonstrar o tamanho que Becky alcançou. Até Vince se envolveu, incluindo Charlotte no combate, dentro da história de suspensão da lutadora.

Se Becky estará ou não na WrestleMania, é outra história. Acredito que sim. Não teria porque a WWE jogar fora sua estrela, muito menos a história envolvendo o Royal Rumble. Hoje, a luta anunciada é entre Ronda e Charlotte, mas, cá entre nós, todos sabemos que “The Man” tem um lugarzinho reservado neste encontro. E sem demérito às outras duas atletas, muito menos a outras estrelas da companhia, mas o momento é de Becky.

Facebook Comments

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *